(41) 99975.3919
(44) 3031 . 1560
contato@miceonline.com.br
ícone Instagram
 
Demanda de passageiros começa 2019 com resultados positivos

Demanda de passageiros começa 2019 com resultados positivos

12.04.2019

A demanda de passageiros no início deste ano teve um o melhor resultado, comparando as taxas de crescimento dos últimos  seis meses. Segundo uma pesquisa realizada pela Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata), os resultados gerais do tráfego de passageiros no mês de  janeiro de 2019, apresentou um crescimento de 6,5% em relação ao mês de janeiro de 2018. Confira!

Resultados positivos com a demanda de passageiros

O ano de 2019 começou com resultados positivos em relação a demanda de passageiros nos aeroportos. No primeiro mês do ano, a capacidade de passageiros que é medida em assentos disponíveis por quilômetro, aumentou 6,4% e o fator de carga subiu 0,1 ponto percentual, atingindo uma alta porcentagem equivalente a 79,6%.

Em relação ao mês de janeiro do ano de 2018 a demanda internacional de passageiros subiu 6,0% e representou uma alta na comparação com a taxa de 5,3% obtida em dezembro. De acordo com uma matéria do site Monitor Mercantil todas as regiões registraram aumento, com a Europa em primeiro pelo quarto mês consecutivo. A capacidade aumentou 5,8% e o fator de carga subiu 0,2 pontos percentuais, atingindo 79,8%.

 

Crescimento das demandas mundo afora segundo a Iata

 

> Europa

As companhias aéreas da Europa também apresentaram um aumento significativo na demanda no mês de janeiro de 2019 em relação ao mesmo período do ano passado. Segundo levantamento da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a quantidade de voos semanais ligando o Brasil à Europa cresceu 12% este ano ante um ano atrás, somando no mês de março mais de 247 voos por semana.

 

> Ásia

As companhias aéreas da região Ásia-Pacífico registraram aumento de 7,1% na demanda de janeiro de 2019 em relação a janeiro de 2018, bem acima da taxa de 5,0% obtida em dezembro de 2018. A estimativa segundo a Associação Internacional de Transporte Aéreo é que a região Ásia-Pacífico poderá receber 3,5 bilhões de passageiros até o ano de 2036.

 

> Oriente Médio

Já no Oriente Médio as companhias aéreas tiveram aumento de 1,5% na demanda em relação a janeiro de 2018, a menor taxa de crescimento entre as regiões. Por sua vez, a demanda entre Ásia-Pacífico e o Oriente Médio representa um crescimento anual de 13%, para os quase 3 milhões de passageiros, com Dubai à frente.

 

> América do Norte

As companhias aéreas da América do Norte registraram aumento de 4,7% na demanda em relação ao mesmo período do ano passado, acima do aumento anual de 3,7% de dezembro de 2018. A capacidade aumentou 3,5% e o fator de carga subiu 1,0 ponto percentual, atingindo 80,6%. A demanda positiva é reflexo das condições econômicas relativamente fortes, que reduziram a taxa de desemprego e aumentaram os gastos dos consumidores.

 

> América Latina

O tráfego de novembro das companhias aéreas da América Latina subiu 5,8% em janeiro em relação a janeiro de 2018. Embora isso represente uma pequena redução em relação à taxa de crescimento de 6,1% obtida em dezembro, os números indicam que o volume de passageiros cresceu um pouco nos últimos meses nos ajustes sazonais.

 

> África

As companhias aéreas da África relataram aumento de 5,1% no tráfego em janeiro, uma alta em relação à taxa de 3,8% obtida em dezembro de 2018. Porém, continuam fortes as preocupações com as maiores economias da região, a África do Sul e a Nigéria. A capacidade da região aumentou 2,9% e o fator de carga subiu 1,5 pontos percentuais, atingindo 70,9%.

 

Mercados de voos domésticos

 

Com os resultados positivos na demanda de passageiros na área de turismo, e economia dos países estão crescendo ano após ano. Um exemplo são os voos domésticos que nos últimos anos aumentou sua demanda de viagens em 7,3% em janeiro na comparação com janeiro de 2018, a maior taxa desde agosto, acima do crescimento de 5,6% de dezembro de 2018.

Segundo dados apurados pela Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), neste ano foram registradas 8,9 milhões viagens domésticas somente no mês de janeiro, com crescimento de 2,41% na comparação anual.

 


MAIS NOTÍCIAS

Nossos Parceiros

LPT4
DEV2
Desenvolvido por Dev2 - Comunicação Integrada